Vamos Pensar um Pouco Diferente do Convencional


Por: Prof Felipe Macena
Cref: 3351G-Ba
Sócio Fundador

Desde o final do ano de 2007 nós do SEMEARE trabalhamos com a Filosofia Funcional onde todo o sistema de Treinamento Físico é desenvolvido pensando na função de cada articulação do corpo humano (Mobilidade / Estabilidade), entendemos que o corpo humano não foi feito para “trabalhar” segmentado, e sim movimentando-se em planos e direções que nem sempre são para frente e para trás apenas.
O que adianta ser forte na parte superior e na inferior, se não temos um núcleo (elo) forte para sustentar?
Para que me serve um peitoral super desenvolvido se tampouco minha cintura escapular não sustenta o peso e fico permanentemente em uma postura cifótica?

Não muito raro no nosso dia-a-dia questionamentos dos alunos e até dos Colegas da Área, do tipo?
– Para que serve este exercício?
– Estou trabalhando o glúteo?
– Este exercício é para peito?

E por ai vai. Como tudo na vida que é “novo” gera “desconfiança”, percebemos que na atividade física não é diferente. Vamos pensar que para cada movimento em qualquer segmento articular do nosso corpo, existe uma musculatura ou grupo muscular envolvido, ponto.
E ainda que nosso sistema nervoso central NÃO conhece músculos e sim padrões de movimentos. A verdadeira pergunta deveria ser, estou puxando na horizontal porque motivo?
Espere ai Felipe, que negócio é este de puxar na horizontal? Pelo seguinte motivo, somos uma “máquina” na qual o maior objetivo é gerar movimento, e este através das articulações. Diante disso e sabendo que existem padrões fundamentais de movimento humano, que são Puxar e Empurrar na Horizontal e na Vertical, Dominantes de Joelhos e Quadril Unilateral e Bilateral, montamos as rotinas de treinamento individualizada aos nossos Clientes.

Então quer dizer que não existe treino para peito, glúteo, ombro, bíceps na filosofia funcional adotada pelo SEMEARE?

Existe sim, sendo que não priorizamos isso porque prescrevemos movimento e estes fundamentais, conforme abordado anteriormente. Nosso treino tem uma outra roupagem, um outro pensamento, sem pensar nas regiões segmentadas e sim no todo, o movimento.
Exemplificando um dia de treino nosso poderemos dizer o seguinte:
Treino de Potência com Coordenação utilizando movimentos de puxar na horizontal e dominantes de quadril, e intervalo ativo de escada 4 tempos linear.

Desta forma conseguimos atingir um número bem maior de grupos musculares, a ainda outros, que nos exercícios convencionais não conseguimos ativar devido ao trabalho direcionado em determinada região. Nãos e limite ou restrinja aos modelos convencionais de treinamento, esteja aberto(a) para experimentar o “diferente”, que já vem sendo utilizado nos grandes centros mundiais de treinamento há décadas.

Dúvidas ou sugestões, fique a vontade e comente.
Bons Treinos e Swing sempre


Sobre admin

Centro de Treinamento Físico Semeare. Fundado em 2004 somos um centro de atividade voltado ao movimento. Treinamento Integrado, Kettlebell Training, Avaliação Funcional do Movimento. Treine diferente, mas treine com qualidade. Salvador-BA

Deixe um comentário